Proteção Passiva Contra Incêndio

No artigo Classes de Materiais de Acabamento e Revestimento falamos um pouco sobre as classes dos materiais de acabamento e revestimento e, apresentamos trechos da Instrução Técnica do Corpo de Bombeiros do Estado de São Paulo onde são selecionadas as classes dos materiais aplicados a cada tipo de edificação.

Comentamos que todos os materiais aplicados que não sejam de Classe I (material incombustível) deve apresentar o Laudo do fabricante que o certifica para sua utilização.

Tome bastante cuidado para não errar quando for empregar os materiais  na edificação, sempre escolha materiais de boa procedência e que tenham os Laudos que o certificam. A escolha do material certificado pode salvar vidas e preservar.

É só lembrar o que aconteceu na boate KISS, o emprego incorreto de materiais de revestimento ocasionou a maior tragédia de incêndio dos últimos anos matando centenas de pessoas.

Para materiais já instalados cujo não sabemos a procedência existe alternativas para proteger tais materiais, essas alternativas são as proteções passivas contra o fogo, conhecidos como RETARDANTES DE CHAMA e RESISTENTES AO FOGO.

Isso nada mais é do que uma proteção química que se dá a cada tipo de material, basicamente são aplicados tintas, vernizes e soluções retardantes:

Retardante de Chamas

Retardante de Chamas

Outro meio de proteção passiva são as argamassas projetadas e  as placas de silicato de cálcio, porém precisam ser analisadas a viabilidade antes de efetuar a aplicação. Normalmente essas proteções são empregadas em estruturas metálicas onde não se optou pela aplicação das tintas intumescentes.

Precisamos entender que todas essas exigências não são para agradar o Corpo de Bombeiros visando apenas à emissão do AVCB e sim para a proteção das vidas que ocupam o edifício. Não podemos fazer um Laudo de qualquer forma sem analisar o material que foi instalado no edifício, devemos exigir todas as proteções mínimas cabíveis. Vivemos um descaso  no dia a dia e sabemos que inúmeros profissionais emitem Laudos CMAR ao Corpo de Bombeiros mesmo sabendo que os materiais empregados não atendem a norma.

Muitas vezes esses Laudos são emitidos erroneamente por falta de conhecimento do profissional, por esse motivo nós da WHL Engenharia nos preocupamos e temos a missão de fomentar esse assunto. A partir do momento que se tem o conhecimento não se pode mais cometer erros tão graves que colocam em risco a vida das pessoas e de patrimônios.

Comments

comments